Melhores faculdades de medicina: os 20 cursos de elite

A tecnologia revolucionou a medicina. Prontuário eletrônico, serviços de telemedicina e próteses de impressoras 3D são algumas das inovações que facilitam a rotina nos hospitais. Além de garantir a segurança dos pacientes e aumentar a qualidade dos diagnósticos médicos. Trabalhar com tecnologia coloca os hospitais como referência no setor. O mesmo acontece com as instituições de ensino: entram para o ranking de melhores faculdades de Medicina do país.

A faculdade de Medicina da Universidade Federal de  Juiz de Fora (UFJF), por exemplo, incluiu até uma disciplina de inovação no currículo. E se tornou a primeira instituição da América Latina a ter ultrassonografia clínica na grade do curso. E os avanços não vêm apenas das federais. A Faculdade São Leopoldo Mandic tem um simulador 3D para facilitar o estudo de anatomia e preparar os estudantes a agir rapidamente em situações de emergência.

No entanto, você conhece as características que colocam as instituições no ranking das melhores faculdades de medicina do Brasil? O Ranking Universitário Folha (RUF), por exemplo, leva em consideração cinco aspectos: pesquisa, ensino, mercado, internacionalização e inovação.

5 itens avaliados no RUF para as melhores faculdades de Medicina

Pesquisa

Este item leva em consideração ainda mais nove componentes, são eles:

  • Total de publicações
  • Total de citações
  • Citação por publicação
  • Publicação por docente
  • Citação por docente
  • Publicação em revistas nacionais
  • Recursos recebidos pela instituição
  • Número de bolsistas CNPq
  • Teses publicadas

Ensino

Este item leva em consideração quatro componentes:

  • Avaliadores do MEC
  • Professores com doutorado e mestrado
  • Professores em dedicação integral e parcial
  • Nota no Enade (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes)

Mercado

O ranking das melhores faculdades de medicina estruturado pela Folha de São Paulo é construído a partir de pesquisas de opinião do instituto Datafolha. Dessa forma, no aspecto mercado são levadas em consideração as opiniões de 5,44 mil profissionais de Recursos Humanas nos anos de 2016, 2017 e 2018.

Internacionalização

Para este item, a pesquisa levou em consideração no aspecto de internacionalização dois componentes:

  • Citações internacionais
  • Publicações em coautoria internacional

Inovação

Por fim, a inovação leva em consideração dois itens:

  • Número de patentes
  • Publicações feitas em parceria com o setor produtivo

Conheça as melhores faculdades de medicina segundo a Folha de S. Paulo

Agora que você sabe quais os principais itens avaliados para se chegar às notas, vamos ao ranking das melhores instituições segundo a Folha:

Instituições Públicas

  1. Universidade de São Paulo (USP)
  2. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
  3. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  4. Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  5. Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  6. Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
  7. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)
  8. Universidade Federal do Paraná (UFPR)
  9. Universidade de Brasília (UNB)
  10. Universidade Federal do Ceará (UFC)

Instituições Privadas

  1. Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)
  2. Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa São Paulo (FCMSCSP)
  3. Universidade de Fortaleza (UNIFOR)
  4. Universidade José do Rosário Vellano (UNIFENAS)
  5. Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública (EBMSP)
  6. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP)
  7. Centro Universitário do Estado do Pará (CESUPA)
  8. Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória (EMESCAM)
  9. Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR)
  10. Universidade de Marília (UNIMAR)

Quais as melhores faculdades de Medicina pelo ranking do MEC?

O Ministério da Educação (MEC) conta com dois índices para avaliar a qualidade de um curso de graduação: o Índice Geral de Cursos (IGC) e o Conceito Preliminar de Cursos (CPC). O primeiro visa analisar a qualidade dos cursos de uma faculdade de forma separada. O MEC leva em consideração para o cálculo do CPC questões como, por exemplo, nota do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), infraestrutura da instituição e recursos pedagógicos utilizados.

Já o IGC representa a nota da instituição, ou seja, da universidade ou faculdade avaliada. Para chegar a esse índice, o MEC leva em consideração a nota dos CPCs do último triênio, além da avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível Superior (Capes) e quantidade de estudantes matriculados em cursos de graduação e pós-graduação.

Para consultar as avaliações, você pode entrar no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP). Ou ainda, clicar neste link para o CPC e neste outro para o IGC.

Outro ponto importante a ser ressaltado é que existem dois tipos de CPCs: 

  • CPC contínuo: que nada mais é do que uma média com todos os componentes avaliados. Esse número vai de 1 a 5, sendo 5 a nota máxima.
  • CPC Faixa:  O CPC faixa é a nota que as instituições de ensino superior divulgam. Esse valor é um arredondamento, normalmente para cima, do CPC contínuo. Ou seja, se uma universidade tiver um CPC contínuo de 3,92; seu CPC faixa será 4.

Lembre-se que é muito importante verificar estes números para escolher em que tipo de instituição você quer estudar Medicina.

20 melhores faculdades de medicina segundo o MEC

 

Universidade Federal de Viçosa (UFV)
Cidade: Viçosa – MG Nota: 5

Universidade Nove de Julho
Cidade: São Paulo – SP Nota: 4

Centro de Ensino Superior de Valença (CESVA)
Cidade:  Valença – RJ  NOTA: 4

Universidade de Cuiabá (UNIC)
Cidade: Cuiabá – MT NOTA 4

Universidade de Campinas (Unicamp)
Cidade: Campinas – SP Nota:4

Universidade Estadual do Ceará (UECE)
Cidade: Fortaleza – CE  Nota: 4

Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSC-SP)
Cidade: São Paulo – SP Nota: 4

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS)
Cidade: Porto Alegre – RS Nota: 4

Faculdade Atenas
Cidade: Paracatu – MG Nota: 4

Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC)
Cidade: Ilhéus – BA  Nota: 4

Universidade Estadual de Maringá
Cidade: Maringá – PR Nota: 4

Universidade Federal do Ceará (UFC)
Cidade: Fortaleza – CE Nota: 4

Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)
Cidade: Rio de Janeiro – RJ Nota: 4

Universidade de Fortaleza (UNIFOR)
Cidade: Fortaleza – CE Nota: 4

Universidade Cidade de São Paulo (Unicid)
Cidade: São Paulo – SP Nota: 4

Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora
Cidade: Juiz de Fora – MG Nota: 4

Faculdade de Medicina de Jundiaí
Cidade: Jundiaí – SP Nota: 4

Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
Cidade: Porto Alegre – RS Nota: 4

Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR)
Cidade: Curitiba – PR Nota: 4

Universidade do Oeste de Santa Catarina
Cidade: Joaçaba – SC Nota: 4

Entrar em uma das melhores faculdades de Medicina não é uma tarefa fácil, mas com um pouco de dedicação e organização tudo é possível. Confira dicas práticas para montar um cronograma de estudos e não perder nenhum prazo!

 

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *